a essência do yoga

Convidados

Kwaraponga, A caverna Sonora
MÚSICA EXPERIMENTAL, ORGÂNICA E TERAPÊUTICA
Tracejdo Bolinha

Kwaraponga, A caverna Sonora (do abanhaenga/tupi antigo), é um projeto
musical do Instituto Pêuára que tem como foco a música experimental orgânica e
terapêutica através de instrumentos musicais ancestrais e aromas da floresta,
com a queima de resinas, cascas e folhas nativas e medicinais.
Vivemos na Mata Atlântica, estudando, pesquisando e experimentando através
da observação e absorção dos sons e aromas da natureza. Co-criamos a
sonoridade inspirados pelo movimento natural, como o canto dos pássaros, o
fluir do rio e ondas do mar, pelas folhas e flores, cipós e raízes, árvores e
palmeiras.

A vivência Kwaraponga conduz os participantes à um mergulho na floresta de
infinitas possibilidades do Ser. Através de uma sucessão de frequências sonoras
que harmonizam os pontos energéticos do corpo, a mente e as emoções.
Unificando os aromas nativos com o som de instrumentos como
didgeridoo(construção própria), tambor, flauta nativa americana, Mrdanga,
derbake, handpan, violão, entre outros.
Com bagagem de participação em retiros de yoga de grandes professores como
Pedro Moreno, Zé Miguel, Helena Rosenthal, Petri Raisanen, entre outros, além
de participações isoladas de nossos integrantes em workshops de yoga no Sesc e
outras vivências em espaços ligados ao yoga, terapias e cultura.
O grupo é constituído com cinco (5) músicos fixos e convidados que são
amigos que fazem participações em algumas vivências.
Bruno Cutinhola Cavalcante
Violão, Voz, Percussões (Derbake, etc), flauta, charango.
Gorumbha Dhan Nirmal
Percussões(Udu, tambor, Cajon,Djembe, etc), Didgeridoo, efeitos.
Lipe Araujo
Flautas nativa americanas entre outras, Voz, Didgeridoo, Percussão (HandPan)
Radha Mohan Das
Didgeridoo, Percussão (Mrdanga), Voz, efeitos
Vinicius Sangat
Tankdrum, tigelas tibetanas, percussões e efeitos.

 

Tracejdo Bolinha